domingo, 22 de julho de 2012

A história do esporte no Colégio Estadual Murilo Braga

Aliada ao estudo, a prática esportiva no Colégio Estadual Murilo Braga sempre foi uma referência no Estado com excelentes participações em diversas competições esportivas, principalmente nos Jogos da Primavera. A vitoriosa história do esporte caminha paralelamente às boas aprovações dos estudantes nos vestibulares, tornando o CEMB em um dos colégios estaduais de referência em educação de qualidade de Sergipe.

O Murilo Braga foi fundado em 1949, mas somente em 1960, o engenheiro Macedo começou a ministrar aulas de educação física, posteriormente surgiu o Sr. Pompéia, e neste meio termo foi construída a primeira quadra esportiva. No final da década de 60, o técnico Labody que veio assumir a AOI também assume as aulas de educação física do CEMB, neste período foi construída a segunda quadra. A partir de 1971, alguns ex-alunos fizeram um Curso de Educação Física em Aracaju que os habilitaram a ensinar educação física no CEMB e os mesmos começaram a introduzir a prática esportiva nas aulas. Também ensinaram educação física os professores João Patola, Tuica, Elze, Laudelina, Eva, Simônia e Ivonete,

Em 1973, o Murilo Braga participou pela primeira vez dos Jogos Estudantis em Aracaju, nas modalidades de voleibol e handebol, tendo a frente os professores José Antônio Macedo e Gercivaldo dos Santos. Foi o início de uma trajetória belíssima de participações em competições esportivas, que por quatro décadas elevou não só o nome do CEMB, mas também de Itabaiana. Posteriormente, o handebol teve vários professores, entre eles: Marcos Baiano, Wilson Reis, Zuleide, Alberto Fontes, Jair Marinheiro e Nivaldo Santos, que em 2001 sagrou o Murilo campeão sergipano pela categoria B masculino e representou o Estado e Itabaiana nos Jogos Escolares Brasileiro, JEBs, em Brasília.

Em 1976, o professor Romilton Mendonça, o primeiro filho de Itabaiana formado no curso de educação física da UFS, introduziu o basquete no Murilo Braga, esporte este que deu muitas glórias ao colégio, assumido depois pelos professores José Antônio, José Costa, Benjamin Alves, Manoel Aelson, Maria Aparecida e Leila.

Em 1977, com a inauguração do Módulo Esportivo de Itabaiana, algumas turmas de educação física e treinamento foram transferidas para o mesmo. A partir desta data, o CEMB ficou com 4 quadras disponíveis e mais a pista de atletismo e o campo de futebol. Com a utilização do Módulo foram introduzidas turmas de atletismo, ciclismo, futebol, tênis de campo, futsal, karatê e GRD lecionadas pelos professores: Manoel da Costa Lima, Marcos Lima, Roberto Andrade, Valtênio Souza, Henrique Santos, Gersonito Santos, Ronaldo Lima, Jorge Cruz, Sandra e Maria Aparecida.

Em 1977, o professor Marcos Baiano assumiu a direção do Módulo Esportivo e a ser o primeiro Coordenador de Educação Física do CEMB. Posteriormente assumiram a coordenação de educação física os professores: Wilson Reis, José Costa, Henrique Santos, Josiel Batista, Jair Marinheiro, Ronaldo Lima e Benildes Salgado, o atual coordenador.


Em 1979, o professor Wilson Reis substituiu o professor Marcos e inovou totalmente o esporte e a educação física do CEMB, introduzindo a opção de escolha pelo aluno ao esporte ou ginástica escolar. Os alunos da 5ª série eram direcionados para a iniciação esportiva e a partir da 6ª série escolhiam um dos esportes oferecidos. Formadas as turmas de educação física de cada esporte, os professores escolhiam os atletas de destaque e formavam as equipes na categoria Infantil, A, B e C. Foi o início de um grande trabalho com milhares de alunos praticando esporte e com isto as equipes ficaram mais competitivas nos jogos. Neste ano, o CEMB ganhou o seu primeiro título nos Jogos Estudantis, foi na categoria B masculino de futsal. Em 1981, foi a vez do basquete ser campeão, ocorreu pela categoria A feminina.

Em 1984, o Murilo Braga obteve a sua melhor classificação no computo geral dos Jogos da Primavera, a 4ª colocação, entre mais de 80 escolas participantes. O CEMB sempre ficou entre as 10 melhores escolas de Sergipe, a campeã do interior e entre as 4 melhores da rede pública. Também participou dos Jogos Infantis, Jogos das Escolas Públicas, Campeonato Escolar e Campeonato Sergipano nas diversas modalidades, sempre conquistando vários títulos. Algumas modalidades foram destaques nas conquistas dos títulos pelo Murilo Braga como: basquete, futsal, ciclismo, futebol de campo, handebol e tênis de campo.

Diversos alunos do CEMB foram convocados para as seleções sergipana de handebol, basquete, futsal e tênis de campo representando o Estado nos Jogos Escolares Brasileiro, JEBs e Campeonato Brasileiro das modalidades esportivas.

Em 1994, o governo do Estado inaugurou o Ginásio de Esportes José Milton Machado, o “Miltão”, um sonho dos professores, diretores e alunos do CEMB que foi concretizado 45 anos após a sua fundação. A partir deste ano, as aulas de educação física que eram realizadas no Módulo esportivo passaram a ser lecionadas no Miltão pela oferta de horários que variavam entre as 6h até as 22h, período suficiente para enquadrar todas as turmas. No Miltão já foram realizadas diversas competições que levaram multidões para prestigiar e torcer pelos nossos atletas como: Seletiva dos Jogos da Primavera, Campeonato de futsal do Nordeste, Copa TV Sergipe de futsal, Copa TV Sergipe de handebol, Campeonato Serrano de basquete envolvendo atletas de todo o Estado, Campeonato Sergipano de futsal e os Jogos Internos do CEMB, envolvendo milhares de alunos. Infelizmente faz dois anos e meio que este ginásio está interditado, impossibilitando os alunos e professores de usá-lo para as aulas de educação física e do treinamento esportivo.

Em 1996, com a nova LDB, ocorreram várias mudanças nas aulas de educação física das escolas públicas, entre elas: a disciplina foi incluída na grade curricular com as aulas reduzidas de três para duas na semana e no mesmo turno de aula; as turmas tornaram-se mistas; aulas teóricas na sala de aula; diminuição das turmas de esportes e aumento das turmas regulares de educação física. Na mesma época, o governo do Estado acabou com os Jogos da Primavera e criou os Jogos das Escolas Públicas desestimulando a competição e consequentemente, caindo o nível técnico das equipes pela falta de competição com as escolas particulares. Não deu outra, o esporte no CEMB, como em outras escolas públicas, declinou e se arrasta por conta de alguns abnegados professores, verdadeiros heróis.

Em 2006, o governo do Estado construiu uma quadra esportiva coberta nas dependências do CEMB que somada ao Ginásio Miltão, renovou as esperanças dos professores para a motivação dos alunos a prática esportiva, seria bom se não tivesse ocorrido a diminuição pela metade dos alunos da unidade escolar e consequentemente, a dificuldade de formar novas equipes para os treinamentos.

Atualmente, com a interdição do Miltão, voltamos a ficar com uma quadra, onde dois, três ou quatros professores a divide no mesmo horário com centenas de alunos de ambos os sexos. Falando em professores, muitos se aposentaram e não houve uma renovação no quadro, até pelas mudanças ocorridas por conta da nova LDB.

Saudades dos tempos de glória do esporte no Colégio Estadual Murilo Braga e em ano olímpico, fica a esperança de que algum dia a história se repita, e o esporte possa voltar a  brilhar e contribuir na formação integral de milhares alunos, razão da dedicação de professores, diretores e funcionários desta grandiosa instituição de ensino.

                                                                              José Costa
                                                                 Professor de Educação Física
                                                                       CREF 000245-G/SE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário